WhatsApp_Image_2021-07-12_at_21.24.09-removebg-preview-300x235

Traficantes fingem ser pastores para raptar crianças refugiadas na Ucrânia


Enquanto o mundo olha angustiado o sofrimento dos refugiados que tentam escapar da guerra na Ucrânia, há pessoas que fingem ser “pastores” para se aproveitar do caos humanitário, a fim de raptar crianças dos seus pais. É isso o que tem testemunhado a missionária Natasha Boom, da organização cristã Orphan’s Promise.

“Ouvimos relatos no terreno esta semana sobre traficantes fingindo ser pastores e aparecendo com micro-ônibus e ônibus”, disse Natasha à rede americana CBN News, que faz a cobertura do conflito na região com ênfase na ação cristã.

Natasha explicou que o grande número de refugiados tem favorecido a ação do tráfico humano na Ucrânia, uma vez que isso dificulta absurdamente a identificação dos traficantes na multidão de pessoas. O fato da maioria das crianças estar apenas com as mães também é outro agravante.

Os homens ucranianos foram convocados para a guerra contra os russos, de modo que os seus filhos ficaram mais vulneráveis com suas mães. Natasha disse, por exemplo, que uma mulher chegou a amarrar as suas crianças em seu corpo, numa tentativa desesperada de não perdê-las de vista.

“Esta mãe tinha uma corda amarrada na cintura com quatro meninas enroladas, provavelmente com menos de cinco anos, porque há risco de traficantes e ela não queria dormir com seus filhos lá”, disse ela.

Os agentes de segurança ucranianos reconhecem a dificuldade de combater o tráfico de crianças nessa situação. “Alguns dos guardas de fronteira disseram: ‘Há traficantes aqui, mas como sabemos? Existem milhares de pessoas’”, contou a missionária.

O tráfico humano é um dos mais movimentados e macabros do planeta, junto com o de armas e drogas. Pessoas traficadas, como crianças, normalmente são usadas para a exploração sexual, trabalho forçado ou extração de órgãos.

Natasha pede aos cristãos que orem pelos refugiados ucranianos, a fim de que Deus ofereça proteção não apenas contra os ataques militares, mas também contra os traficantes que estão usando o momento de desespero para agir nas sombras do caos humanitário.

“Foi inacreditável. Tentei me preparar, mas não há nada que possa prepará-lo para ver tantas crianças tão traumatizadas”, disse ela. “Esse é um dos meus maiores pedidos de oração, que esse mal possa ser exposto pelo que é, que as crianças sejam poupadas”.





Gospel Mais Notícias

ADDRESS

908 New Hampshire Avenue #100, Washington, DC 20037, United States

PHONES

Phone: +1 916-8745-2235
Mobile: +1 916-875-22345
Fax: +1 916-8745-22357

E-MAIL ADRESS

email@email.com