WhatsApp_Image_2021-07-12_at_21.24.09-removebg-preview-300x235

o amor ao mundo inviabiliza o ministério, alerta Piper


Jovens evangélicos são expostos diariamente à influência da cultura mundana, e muitos sucumbem às circunstâncias. Para exorta-los, o pastor John Piper citou em um sermão a passagem bíblica em que o apóstolo Paulo lamenta a escolha de um jovem chamado Demas, que o auxiliava no ministério, mas o abandonou por amor ao mundo.

“Procure vir logo ao meu encontro, pois Demas, amando este mundo, abandonou-me e foi para Tessalônica”, diz o apóstolo Paulo em II Timóteo 4:9,10. Piper, lendo esse trecho, demonstrou pesar por não haver registro sobre uma mudança de postura:

“Eu admito que não sei se ele se arrependeu. Não há nada na Bíblia que responda se ele se arrependeu ou não. Não há evidências de arrependimento, mas com certeza, todos nós, pelo menos os mais velhos, conhecemos ministros do Evangelho que abandonaram seus parceiros e deixaram o ministério, deixaram a fé, e até onde sabemos, nunca mais voltaram”.

O tom adotado pelo apóstolo dos gentios é de alerta, observou o pastor: “Creio que Paulo quer que Timóteo perceba isso, não apenas como uma preparação para esse desgosto no ministério – ‘Acontece, Timóteo. Aconteceu comigo. Esteja pronto para quando acontecer com você’. Acho que Paulo também quer que ele preste atenção na causa para que ele possa evitá-la e nunca fazer igual”.

“Em outras palavras: não ser abandonado e nunca abandonar ninguém, porque ele viu a causa aqui. ‘Demas, tendo amado o presente século, me abandonou’. Há um amor pelo mundo que torna o ministério impossível. Há um amor pelo mundo que produz o abandono do ministério ou transforma o ministério em algo tão mundano que ele se torna inútil”.

Cultura avessa a Deus

Piper, então, sublinha que ninguém que tente conciliar um estilo de vida mundano com o servir na obra de Deus terá sucesso: “Se um ministro do Evangelho começa a ser mundano, ele tem duas opções: deixar o ministério ou tornar o ministério mundano”.

A Bíblia mostra que “Demas não conseguiu” conciliar o ministério e a paixão mundana: “Paulo não permitiria isso em sua equipe. Então aqui vai uma advertência aos jovens, poderia dizer até velhos, mas principalmente aos jovens evangélicos que abraçam a cultura: vocês precisam refletir com relação a Demas por um bom tempo”.

“Por amor ao presente mundo, ele achou impossível seguir no ministério com Paulo. E o abandonou. Há um amor pelo mundo, um amor pelo presente século, por essa cultura que ignora, nega e rebaixa Deus, esta cultura que distorce Cristo, que se exclui mutuamente de um amor real e profundo por Jesus”, acrescentou.

Em seguida, o pastor não deixou dúvidas ao declarar que “há um amor pelo mundo que é irreconciliável com o ministério para o mundo, o ministério de denunciar o mundo, de testemunhar ao mundo, de resgatar pessoas do mundo”.

“Nada disso vai dar certo se você amar tanto o mundo a ponto de pensarem que você é um deles. […] Lembrem-se: mais pessoas abandonam Cristo, mais pessoas abandonam a Igreja, o ministério, por amor ao mundo do que por qualquer outra coisa”, finalizou.

Assine o Canal





Gospel Mais Notícias

ADDRESS

908 New Hampshire Avenue #100, Washington, DC 20037, United States

PHONES

Phone: +1 916-8745-2235
Mobile: +1 916-875-22345
Fax: +1 916-8745-22357

E-MAIL ADRESS

email@email.com