WhatsApp_Image_2021-07-12_at_21.24.09-removebg-preview-300x235

Em tom de deboche, Weintraub usa imagem da Bíblia para atacar pastor


O ex-ministro da Educação, Abraham Weintraub, fez uma publicação polêmica na manhã desta terça-feira (26) acerca do pastor Milton Ribeiro, também ex-ministro da Educação, que recentemente renunciou ao cargo para melhor se dedicar às investigações que apuram denúncias de suposto favorecimento na pasta do MEC.

Em tom de deboche, Weintraub postou a foto de uma Bíblia rasgada com uma arma dentro, dizendo de forma irônica que o pastor evangélico teria ido “fazer uma oração no aeroporto”, insinuando que o mesmo teria feito isso portando uma arma no livro sagrado.

Na publicação, Weintraub também desdenhou da confiança do presidente Jair Bolsonaro na inocência do ex-ministro Milton Ribeiro, quanto às suspeitas de favorecimento no MEC, mesmo não havendo qualquer conclusão por parte da Justiça.

“O Milton foi fazer uma oração no aeroporto. Devia utilizar as novas Bíblias compradas pelo esquema pastores/MEC. Pode apostar, vai aparecer mais coisa errada dessa turma do Centrão. O Presidente disse que colocava a cara no fogo pelo Milton. Eu não colocaria meu dedo mindinho”, escreveu Weintraub, legendando a imagem de uma bíblia rasgada com uma arma.

Entenda a publicação

A postagem feita por Weintraub fez referência à notícia de que a arma pessoal do pastor Milton Ribeiro disparou acidentalmente, na segunda-feira (25), quando ele foi apresentar o documento de despacho (autorização de embarque) da mesma no aeroporto de Brasília.

O pastor explicou que ao pegar a arma para retirar a sua munição, em sua pasta, a mesma disparou acidentalmente. Ninguém se feriu gravemente e o ex-ministro prestou esclarecimentos na Superintendência da Polícia Federal.

Após a sua publicação debochando do episódio, e uma série de críticas que recebeu por causa disso, Weintraub tentou contextualizar a sua postagem.

“Esclareço que a arma disparada pelo Milton (MEC) não estava escondida em uma falsa Bíblia”, disse ele. “Fiz uma alusão da falta de habilidade no manuseio da arma, que feriu uma funcionária do aeroporto, com a suspeita de corrupção na confecção de bíblias com o rosto dele!”

Críticas

Apesar da tentativa de justificar a sua publicação, Weintraub foi duramente criticado por seus seguidores. O ex-ministro, que já vem se desgastando por atacar o presidente Jair Bolsonaro, foi acusado de imaturidade e de favorecer a oposição com críticas genéricas e sensacionalistas.

“Já teve minha admiração, apoio, defesa, mas seguiu um caminho da insensatez e da revanche mesquinha, assim vc não terá o apoio que deseja do povo que sabe mais do que vc pensa [sic]”, comentou um internauta.

A psicóloga Marisa Lobo, presidente do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) do Paraná, também demonstrou indignação com a publicação de Weintraub, chamando a mesma de “canalhice”.

“Pelo visto, seu problema não é só ter a imaturidade de uma criança de 5 anos. Falar em tom de deboche citando oração que não existiu, e usando uma imagem deturpada da Bíblia Sagrada, tudo para ATACAR UM PASTOR cuja vida é respeitada e admirada por quem o conhece é algo simplesmente nojento, baixo e MALIGNO [sic]”, criticou Marisa.

A psicóloga recomendou cuidado ao ex-ministro Weintraub, “porque a mão de Deus pesa contra os que escarnecem dos seus filhos! Crítica e opinião não são a mesma coisa que zombaria, ofensas e insinuações maliciosas de corrupção contra a honra de uma pessoa. Tudo virá à tona e você pode quebrar a cara tremendamente”, postou ela.

Assine o Canal
Assine o Canal





Gospel Mais Notícias

ADDRESS

908 New Hampshire Avenue #100, Washington, DC 20037, United States

PHONES

Phone: +1 916-8745-2235
Mobile: +1 916-875-22345
Fax: +1 916-8745-22357

E-MAIL ADRESS

email@email.com