WhatsApp_Image_2021-07-12_at_21.24.09-removebg-preview-300x235

Cristãos sofrem extremos no Afeganistão, mas resistem por “amor a Deus”


Se viver no Afeganistão durante a ocupação das tropas americanas já era um tremendo desafio devido aos riscos envolvidos, após a saída do Exército dos Estados Unidos do país islâmico, tudo se tornou extremamente mais difícil. Apesar disso, os cristãos que vivem na região dizem que estão resistindo, e por amor a Deus.

Foram anos de combate entre os militares da coalisão internacional, liderada pelos Estados Unidos, e os terroristas do grupo islâmico Talibã. Após um período de maior tranquilidade, contudo, a vitória do atual presidente americano Joe Biden, nas eleições de 2020, fez mudar completamente o cenário por lá.

Isso porque, Biden ordenou a retirada das tropas americanas do Afeganistão há oito meses, o que foi feito de forma absurdamente desastrosa, permitindo a retomada súbita de poder do Talibã sobre a capital Cabul. Centenas de americanos ficaram para trás, lado a uma população afegã em pânico.

No meio desse contexto estão os cristãos, que passaram a ser alvos de uma verdadeira caçada por parte dos terroristas islâmicos. “Era difícil para os crentes antes, mas ficou mais difícil (hoje)”, informou um cristão local que não teve o nome identificado por motivos de segurança.

“Eles (Talibã) estão vasculhando as [casas] de porta em porta; eles têm um posto de controle em todos os lugares, verificando os telefones, os aplicativos, as mensagens”, relatou o cristão, segundo a Portas Abertas.

Não por acaso, a Portas Abertas colocou o Afeganistão no 1° lugar na sua lista mundial de perseguição religiosa, ficando a frente da Coreia do Norte, que ocupava o posto há mais de 20 anos.  Segundo o informante da organização, o Talibã de agora está mais temível, pois aprendeu a ser mais articulado.

“O Talibã não mudou nada desde 20 anos atrás, mas uma coisa mudou: eles aprenderam a manipular; como falar com o mundo e fazer o que eles quiserem”, disse o cristão. Ainda assim, mesmo com todos os riscos, os cristãos afegãos resistem para testemunhar a fé em Jesus Cristo.

“As pessoas ainda defendem o Senhor. Muitas deixaram o país, mas ainda há muitos (crentes) dentro do país. O Talibã pode tirar tudo de nós, mas não podem tirar o amor de Deus. Eles não podem tirar nossa fé”, disse o informante, segundo a Mission Network News.





Gospel Mais Notícias

ADDRESS

908 New Hampshire Avenue #100, Washington, DC 20037, United States

PHONES

Phone: +1 916-8745-2235
Mobile: +1 916-875-22345
Fax: +1 916-8745-22357

E-MAIL ADRESS

email@email.com