WhatsApp_Image_2021-07-12_at_21.24.09-removebg-preview-300x235

Contra Bolsonaro, Priscilla Alcantara abre mão da música ‘Liberdade’


De acordo com o alinhamento ideológico que vem adotando nos últimos anos, a ex-cantora gospel Priscilla Alcantara está investindo cada vez mais na sua postura contra figuras ligadas ao conservadorismo no Brasil, como o presidente da República Jair Messias Bolsonaro.

Na quarta-feira (30), por exemplo, a cantora disse que não irá mais cantar a música “Liberdade”, após a canção aparecer nos stories do presidente. “Nunca mais vou cantar Liberdade”, postou a ex-gospel.

O influenciador bolsonarista Maicon Sulivan, que nos últimos meses vêm aparecendo ao lado do presidente da República nas redes sociais, reagiu à postagem da cantora apontando “acepção” de pessoas em sua manifestação.

“Uai, não sabia que a ‘cristã’, fazia músicas apenas para um público seletivo… Talvez isso na bíblia se chama ‘acepção’. Bom, isso se algum dia leu a Bíblia, né? Ouça ‘Espírito Santo’ e se converta de VERDADE! [sic]”, postou Sulivan em resposta à Priscilla Alcantara.

Priscilla Alcantara e polêmicas

Não é de hoje que a cantora Priscilla Alcantara vem provocando reações negativas no meio gospel, não por causa das suas posições políticas, o que para muitos é irrelevante, mas devido à sua postura no tocante à doutrina cristã, em si.

Isso porque, Priscilla, que no passado ganhou fama entre o público jovem, vem indicando que passou a adotar o vago conceito de “amor” como substituto da personificação do amor descrito na Bíblia Sagrada, onde tal sentimento está associado, também, ao ideal de justiça determinado por Deus.

No meio teológico liberal, o argumento do “amor” se tornou uma justificativa para se legalizar tudo o que a Bíblia condena enquanto pecado, visto que os seus defensores não conseguem enxergar no Deus da bíblia uma Pessoa que, assim como é capaz de perdoar, também pode condenar os que lhe desobedecem.

Este ano, por exemplo, Priscilla zombou dos cristãos que criticaram o fato de ela ter anunciado a produção de uma música para o carnaval. A cantora usou a subjetividade do conceito de amor para tentar se justificar.

“Fiz uma música pro carnaval”, disse ela. Diante das reações negativas, veio o deboche como resposta: “Hahahahahahhahaha. O povo surta à toa. Vai aprender a amar, vai”.

Ex-admitadores da cantora, por outro lado, já haviam apontado que Priscilla Alcântara não tinha um desejo real de pertencer ao mundo cristão; pelo menos não de acordo com os ensinamentos originais da Bíblia Sagrada.

Uma fala da cantora no ano passado foi usada como exemplo. “Essa sempre foi minha intenção e eu carrego esse sentimento por conta dos meus pais”, disse Priscilla ao se referir ao desejo de sair do gospel para o secular.

“Na verdade, se fosse pra eu me rotular hoje… diria que meu rótulo é livre. O que você é? Uma cantora gospel, secular? Eu sou livre! Eu sou uma artista livre e com raízes pra poder transitar por onde quiser”, afirmou Priscilla Alcantara na ocasião.





Gospel Mais Notícias

ADDRESS

908 New Hampshire Avenue #100, Washington, DC 20037, United States

PHONES

Phone: +1 916-8745-2235
Mobile: +1 916-875-22345
Fax: +1 916-8745-22357

E-MAIL ADRESS

email@email.com